sexta-feira, 9 de outubro de 2009

pelos labirintos da vida...


Pelos labirintos da vida ,


Vou caminhando

Neles me perco e ausento

Perdida pelo mundo

Nas encruzilhadas me perco.



Pelos labirintos da vida,

Olho as nuvens

Olho as estrelas

Peço-lhes tempo

Para encontrar o

Caminho que seguir.



Pelos labirintos da vida

Sofro nos becos sem saída

Nos recuos de percursos

Incompletos.



Pelos labirintos da vida

Caminho às vezes sem rumo

Num caminho distante

Perdida nos meus pensamentos

Nos meus quereres,

Nas minhas vitórias e derrotas

De uma vida que inventei…

Ou me foi traçada…

Caminho perdida
à chuva ou ao vento...





palavras 9/10/09





8 comentários:

♥ ♥ Eu disse...

Q vc possa reencontrar a saída perfeita e deixe de ser um labirinto para ser uma vida a ser vivida com a intensidade dos belos momentos.

bjos!

csa disse...

Agora percebo por que razão o seu nick tinha um labirinto!
Lindo poema!!! Uaf!
E eu tratarei de a fazer sair de um desses labirintos. Estive a trabalhar nisso hoje e o resultado está bom. :)

Marcos Takata disse...

Entrar no labirinto e sair dele, é preciso vencer as etapas seguindo a intuição. Bj

FERNANDA & POEMAS disse...

MINA QUERIDA AMIGA... ADOREI PELOS LABERINTOS DA VIDA... UM POEMA MUITO BEM CONSEGUIDO... ABRAÇOS DE CARINHO,
FERNANDDINHA

nuvem disse...

Um labirinto de palavras bonito de se percorrer.

Beijos

gaivota disse...

a vidac é um eterno labirinto... há que saber percorrê-lo!
bom fim de semana
beijinhos

Rosa Silvestre disse...

a vida é uma viagem num labirinto, com encontros e desencontros, vitórias e derrotas...
Gostei do poema, bjinhos, RS.

Marcos Takata disse...

Tenho viajado muito, desculpa pela demorar de vir aqui. O mês que estarei mais folgado. Namaste.